segunda-feira, 30 de março de 2009

Ilustração Vetorial: Quando o papel encontra a tela

Hoje resolvi mostrar um trabalho de ilustração que gostei muito de fazer. É um trabalho "pessoal" digamos, mas que resolvi me dedicar muito, pois são pessoas que possuo um extremo carinho, além de servir como uma "test-drive" para estilo e portfolio. Vamos lá:

A ilustração a seguir é do meu primo Fábio e sua esposa, Ligia. Fui padrinho de casamento dos dois e eles me pediram para que eu fizesse uma ilustração para um quadro onde este ia ser exposto na frente para a recepção e assinatura/dedicatória dos convidados. A arte é essa abaixo:

Fabio + Lígia - arte em vetores

Nessa época - meados de 2008 - eu estava "brincando" com técnicas, experimentando meus traços, softwares, enfim, explorando todo o conhecimento que eu tinha em mãos. Quando me foi pedida essa arte eu perguntei se podia fazer num estilo que eu estava há algum tempo praticando, o de ilustração digital/vetores.

A minha maior intenção - e desafio - na ilustração digital era de passar todo o meu estilo gráfico para o trabalho com as ferramentas que o software dispunha. Até então eu já tinha fuçado bastante, feito várias experiências até com sucesso, mas não tinha chego no meu principal objetivo: "imitar" meu traço à mão.

Criar uma identidade para seus desenhos é uma coisa imprescindível. Por mais versátil que seja seu trabalho, por mais diversificada que seja sua área de especialização, olhar para uma obra e saber que aquilo é seu, que é algo que você desenvolveu sozinho, é muito importante.

Mas continuando, a ilustração foi um tanto trabalhosa. Enquanto o computador nos dá muitas vantagens, as desvantagens não são desprezíveis. E eu contava com um fator consideravelmente negativo na época: eu NÃO tinha tablet (mesa digitalizadora). Isso quer dizer que toda essa ilustração em vetores que você está vendo foi feita NO MOUSE. E sim, enche o saco.

O trabalho foi feito no Adobe Illustrator CS3 e teoricamente é simples: você usa uma foto para referência simulando uma mesa de luz; abre layers para traços; abre layers para sombras. Trocando as etapas em "miúdos", fica mais ou menos assim:

fabinho & ligia: etapas

É claro que na prática a conversa muda. Como o meu desafio era achar uma identidade pro meu desenho à mão, o segredo então era justamente olhar para o monitor e imaginar o que eu faria se fosse no papel (já comentei isso no post da Ilustração da Heather) ou pelo menos que isso parecesse realmente um desenho.

A grande sacada é você delinear os traços com diferença de espessura e "pincelada", limitando-se a "riscar" apenas o que você traçaria se fosse copiar a ilustração para um papel. É óbvio que em todo o momento que eu estou dizendo isso também quero dizer: "sim, você precisa saber desenhar".

detalhe de ilustração - rosto

Outro fator importante é, além de deixar as "marcas das pinceladas", detalhar áreas como cabelo e fios por exemplo, para dar um toque "manual" mesmo na ilustração em vetores.

detalhe de ilustração - cabelo

Alguns podem dizer "mas para quê tanto trabalho no computador se isso poderia ser resolvido com muito mais prática à mão". É tudo uma questão de objetivo, estilo e intenção. É como dizer "desenhe um pato". Eu tenho muitas opções para realizar esse desenho: realista, infantil, 3D... depende de como eu ou o cliente quer o resultado. Não tenha dúvidas de que se eu fizesse no papel ia ser mais rápido e ia ficar diferente. Não interessa se pior ou melhor. Interessa atingir o objetivo pretendido. E Nesse caso, o resultado pretendido era exatamente esse.

Gostei muito de fazer esse desenho. A recompensa moral também é válida, claro. Num casamento onde os donos da atenção são os noivos, você roubar um pouquinho para você ajuda também a validar a arte e o esforço.

Hoje, essa ilustração está numa moldura, pendurada na parede da casa de meu primo, rodeada de assinaturas das pessoas que ficaram boquiabertas por alguns segundos onde apreciaram - e valorizaram - minha arte.

2 comentários:

no-nick disse...

lindo demaaais! *----------------*

parabeens!! excelente trabalho (h5)

DaniELA disse...

Perfeito! Sucesso total!